Estética

Cuidados com a estética são necessários e importantes para qualquer pessoa. Olhar-se no espelho e gostar do que se vê e perceber nos outros que nossa aparência é agradável, eleva a auto-estima e ajuda em qualquer tratamento de saúde. Por isso, quando se passa por um tratamento contra o câncer é bom se prevenir e buscar orientações para estar sempre de bem consigo mesmo.

Quando falamos em efeitos colaterais do tratamento de quimioterapia, a queda dos cabelos, o ressecamento da pele, a queda dos cílios e das sobrancelhas aparecem entre os problemas estéticos mais temidos. Há ainda os prejuízos causados pelas cirurgias, como os relativos à reconstituição da mama (câncer de mama) e ao convívio tranquilo com a bolsa de colostomia, nos tratamentos de câncer colorretal.

A boa notícia é que, quando se faz um tratamento de quimioterapia oral, o risco de queda de cabelos, cílios e sobrancelhas é muito pequeno. Quando isso ocorre, entretanto, é possível lidar com o problema de forma a ele causar o menor incômodo possível.

Para o ressecamento de pele também há saída. Além de ser um problema temporário, que costuma desaparecer no final do tratamento, há como diminuir o incômodo. O uso de cremes hidratantes, feito com a adoção de alguns cuidados de higiene, compensa os efeitos do tratamento e admite, até, o uso de maquiagem.

Convém lembrar que nem sempre a reconstrução mamária pode ser realizada na mesma cirurgia em que se retira o tumor. Por vezes, a estética precisa esperar um pouquinho porque a recuperação precisa vir antes da preocupação com a estética. Desde que as condições clínicas do paciente com câncer permitam, a reconstrução da mama poderá ser realizada logo após a retirada do tumor. O importante nesse momento é ouvir a opinião do oncologista.

É importante lembrar que escolher um modo de vida que garanta o bem-estar pessoal é imprescindível porque é uma conduta capaz de auxiliar positivamente qualquer tratamento e recuperação. Os cuidados com a aparência e com a estética fazem parte dessa recuperação. Se você descuida de seu corpo e deixa de lado aquilo que traz mais conforto e satisfação consigo mesmo poderá estar atrasando a sua própria recuperação. Não se preocupar com sua aparência é diferente de priorizar a recuperação. Tente aliar os cuidados com a saúde aos cuidados estéticos a fim de não se entregar. Reserve um tempinho para escolher roupas adequadas e que lhe caiam bem, passar um perfuminho depois do banho, estar barbeado, usar maquiagem, desde que não interfira em seu tratamento, enfim, são cuidados que irão ajudar e acelerar sua recuperação, devolvendo a auto-estima e a vontade de vencer os obstáculos.

CAPC

Autor: CAPC

O CAPC visa principalmente a assistência humanitária e social às pessoas com câncer e seus familiares em situação de vulnerabilidade.

Compartilhe!